Um Pacotinho Chamado Recém-Nascido

Oi, Mamães! 😃

Um bebê recém-nascido em casa é sinônimo de transição! Transição para a mãe, que há poucos dias estava grávida e não está mais. Transição para a família, que de repente se vê voltada para aquele novo integrante tão peculiar. Mas, principalmente, para o próprio bebê, que ainda está se adaptando ao ambiente extra-uterino!

E é sobre essa adaptação que vamos falar hoje…
Imagine como deve ser, para o bebê, passar 9 meses dentro da barriga, um espaço apertadinho, onde você se sente completamente aconchegado, a uma temperatura e luminosidade agradável, sendo nutrido sem precisar fazer nenhum esforço.
Imaginou?

Agora imagine se, de uma hora para outra, você se vê aqui fora, sentindo frio, sem conseguir nem abrir os olhos, devido a claridade, tendo que se esforçar pra mamar e com a sensação de que não está mais protegido?

Pois bem, é assim que o bebê recém-nascido se sente!
Leva um tempo até ele se habituar ao ambiente aqui fora, mas uma maneira legal de promover essa adaptação é, nos primeiros dias de vida, manter o bebê enroladinho numa manta, de modo que ele se sinta quentinho e seguro, como nessa imagem de Heitor, aos 13 dias de vida.

Muitas mães também reclamam que o bebê adormece no colo, mas quando elas vão colocá-lo no berço, ele acorda, mais parecendo que o berço é feito de espinhos. 🌵🌵🌵
Isso acontece porque, além do bebê está sentindo o cheirinho da mãe, ele precisa de contato pra se sentir seguro.

Um artifício que ajuda bastante, principalmente para o bebê dormir sozinho no berço, é o uso do “segura-bebê”, vendido em lojas enxovais e artigos infantis. Consiste em dois rolinhos ligados por um tecido que fica em baixo do bebê. Os rolinhos permanecem um em cada lado da cintura e fazem o bebê se sentir “acochadinho” sem se assustar, ao se mexer, evitando que o ele acorde e mantenha um sono mais prolongado. Os pais agradecem!

Beijos e até a próxima! 😘🙋
Por Bruna Paulino.

mamaeenfa

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!